Plataforma SporTI MultiSports
Notícia - 21/01/2020 às 16:32:38
GESTÃO DE COMPETIÇÕES ESPORTIVAS: 5 ERROS COMUNS
Saiba onde não errar na hora de criar a sua competição

Por BERNARDO MOTA COUTO BASTOS
,
-- (Foto: Desconhecido)
A realização de um evento esportivo de sucesso não é fácil, nem sempre o Gestor esportivo consegue manter tudo fluindo, nos trilhos, conforme o planejamento inicial. Inscrição de equipes, recebimento de pagamentos, montagem de tabelas, escolha de local, divulgação e captação de patrocínio, todas essas tarefas entram no escopo do Gestor, que nem sempre tem tempo ou habilidade para realização dos mesmos.Atualmente, já existem ferramentas ou práticas que vão te ajudar a lidar com aqueles erros comuns na hora de organizar uma competição.

A seguir você confere alguns deles:

5 erros comuns na gestão de competições esportivas

1 – Planejamento falho ou incompleto 
A criação de uma competição esportiva de sucesso implica em uma série de detalhes, desde recebimento de inscrições e pagamentos até a contratação de staff para o dia dos jogos. E para a competição rodar de forma fluida é preciso colher e documentar todas essas informações, processos, datas e custos com antecedência, para que seja montado um cronograma desde a ideação da competição até o dia da realização. O planejamento é necessário para evitar problemas, gastos desnecessários e garantir o sucesso da sua competição. A dica é se planejar com antecedência e fazer seu checklist.

2 – Não se comunicar com as equipes 
Facilite a vida dos participantes, estruturando canais de comunicação entre equipes e organizadores. Desde dúvidas técnicas até comunicados sobre a estrutura e logística da competição, diversas informações são requisitadas em todo o processo entre inscrição e realização do evento. É necessário criar um espaço no qual informações possam ser trocadas de forma simples e de fácil acesso a todos.

3 – Não escolher um local adequado 
É necessário escolher um local que dê aos atletas as condições necessárias para que a prática possa ser realizada plenamente e com segurança. É importante também levar em consideração a facilidade de mobilidade das equipes e público até o evento, locais para estacionar, se acomoda todo o público esperado, se o ambiente é espaçoso e acessível e também se possui vestiários suficientes e em bom estado. 

4 – Não investir em marketing 
A competição esportiva deve ser tratada como um evento e seus públicos-alvos devem ser atingidos: atletas, espectadores e patrocinadores. Não adianta criar um evento e ninguém ficar sabendo da existência dele. É necessário a criação de uma estratégia e um planejamento para atrair atletas/equipes, espectadores, seja por mídias online ou off-line. Além disso, o Gestor precisa identificar o valor do seu evento para utilizar no momento de identificar as empresas que tem fit para serem patrocinadoras e assim montar uma proposta que faça sentido para as duas partes. Existem diversas formas de associar e fortalecer a marca de um patrocinador por meio de um evento esportivo, por isso, deve se elaborar um plano de marketing bastante assertivo. 

5 – Não utilizar tecnologia
Nos dias atuais existem diversas ferramentas tecnológicas que podem auxiliar na hora da gestão de uma competição esportiva. Em pleno ano de 2020 é inconcebível que todas as informações e planejamentos estejam centralizados em pilhas de papéis. Desde planilhas para a gestão financeira da competição, até ferramentas em mídias sociais para impulsionar a divulgação é necessário recorrer a soluções que facilitem a vida do gestor, economizando tempo e trazendo mais RESULTADOS.   

Entre em contato conosco e comece agora a aumentar os seus resultados. Clique aqui e converse com o nosso Gestor Esportivo ou entre em contato com a gente pelo comunicacao@sporti.com.br
publicidade